Colégio adere ao Material Objetivo para 1º ano do Ensino Médio

24 de novembro de 2015

A partir do próximo ano o material didático a ser utilizado pelo 1º ano do Ensino Médio no Colégio será o Material Objetivo. Reconhecido nacionalmente pela qualidade e constante atualização em suas disciplinas, o material foi adotado pela abordagem própria, preparatória para provas como o ENEM.

A Diretora do Colégio, Cláudia Vieira Schramm, respondeu algumas perguntas sobre o material, confira:

 

  1. Por que a mudança do material didático para o Ensino Médio?

Tendo em vistas as mudanças no processo seletivo de acesso às universidades – PS para ENEM, após análise de outros materiais e uma conversa criteriosa entre Direção, Coordenação Pedagógica e Professores, acreditou-se que seria determinante para o resultado final do aluno fazer o uso de um material que fosse pedagogicamente focado no ENEM.

 

  1. Quais as principais diferenças do material preparado pelo Sistema Objetivo e do atual material utilizado no Colégio?

Nosso material anterior é preparado pela equipe de Professores do Ensino Médio e, como 80% deles trabalham em cursinhos preparatórios, bem como em outros colégios, conhecem a melhor forma de adequar o conteúdo programático do OS e do ENEM para que o aluno esteja bem preparado para os concursos. Porém, atualmente esta realidade vem mudando devido ao uso somente da nota do ENEM como acesso às universidades federais e, com a atualização do material do Objetivo, que já é utilizado para os demais níveis de Ensino além de ser mais uma vez reconhecido como a rede que obteve maior nota na avaliação do ENEM no Brasil, optamos por bem fazer essa adequação.

 

  1. O que o Colégio espera com essa mudança?

Partimos do pressuposto de que quem ganha é o aluno. Ganha em preparação, em adequação de conteúdos e em qualidade de material, além de certamente conseguirem uma melhor qualificação para encararem o ENEM.

PARA TODAS AS MULHERES…

23 de outubro de 2015

Desde 2008, o mês de outubro é um movimento mundial de mobilização pela detecção precoce do câncer de mama, considerado o outubro rosa, que serve para alertar as mulheres sobre a importância da prevenção à doença, a segunda mais frequente do mundo e a de maior incidência entre as brasileiras.

No ano de 2013 foi criada uma lei que garante aos pacientes de câncer o direito de iniciarem o tratamento da doença pelo Sistema único de Saúde (SUS) em, no máximo, 60 dias após o diagnóstico.

Ainda que o diagnóstico e o tratamento tenham melhorado nos últimos anos, os dados apontam que a cada 36 minutos uma brasileira morre vítima de câncer de mama. E mais, a cada 10 casos, sete são diagnosticados em fase avançada, quando o câncer já se espalhou para outras partes do corpo.

 

Meu depoimento pessoal:

Em novembro de 2005 recebi a notícia que eu tinha um carcinoma ductal in situ de alto grau (câncer), na época eu tinha 41 anos. Lembro que fui sozinha receber o resultado da biopsia porque achava que iria dar negativo.  Quando recebi o resultado fiquei indignada, porque nunca deixei de fazer a mamografia quando meu médico solicitava, e por incrível que pareça escutei várias pessoas dizerem o seguinte: você fazia mamografia? E eu respondia que havia feito há quatro meses e o resultado foi negativo. Isso tudo me deixava muito triste porque parecia que não me cuidava.

Logo após a noticia procurei o parecer de outro médico fora da cidade, e me senti mais confiante, não fiz quimioterapia e nem radio, optei retirar toda a mama esquerda (cada caso é diferente e o tratamento também). Em janeiro de 2006 fiz a primeira cirurgia (mastectomia), e depois vieram outras até reconstituir toda a mama, durante um ano aproximadamente. Sigo anualmente fazendo todos os exames, nunca desanimei, me sinto mais fortalecida agora para falar a todas as mulheres, minha história de superação e que sirva de esperança e alerta para todas vocês.

Afirmo sempre da importância de se fazer exames anualmente, de nos observar, de sermos vigilantes com o nosso maior patrimônio, que é o nosso corpo.

Agradeço sempre pela cura que tive e pela família e amigos que me apoiaram.

Muito obrigada!

   Marizete Berleze

                                           Professora do Ensino Fundamental do Colégio Marco Polo.

Valorização dos Professores

15 de outubro de 2015

O Kaiser (Imperador) Guilherme II chamou o grande físico alemão Max Planck, Prêmio Nobel de Física, a sua presença  e intimou-o a transformar Alemanha numa potência científica. Planck disse que a chave para isto era valorizar mais os professores do que os militares e os políticos. Guilherme, notório belicoso, despachou de imediato Max Planck, incomodado com  a resposta. A Alemanha passou por duas guerras mundiais. Foi sangrada e ressangrada e hoje os professores são muitos mais valorizados que os militares e os políticos.

O Brasil não precisa passar pela décima  parte do que a Alemanha passou para tornar-se uma grande nação. Basta que a sociedade valorize os professores e não os políticos. Que a sociedade exija o cumprimento do pagamento do piso salarial que mesmo não sendo pago é de baixo valor. Que a Nação apoie incondicionalmente os direitos dos professores. Mas que os professores também façam a sua parte. Menos corporativismo e mais espírito de classe. Menos carreirismo e mais competência. Menos burocracia e mais sala de aula.

No dia do Professor, o Colégio Marco Polo parabeniza seu corpo docente lembrando que o nascimento de uma Nação começa pelos professores que moldam a fisionomia de seu povo e a temperança de seu espírito. Mais do que homenagem, reconhecimento, mais do que reconhecimento, dívida, mais que dívida, gratidão. O país está em débito com os seus professores.

FELIZ DIA DOS PROFESSORES.

 

Profº. José Luiz Martins Nunes

Presidente da Mantenedora

Novo site, novo tempo

23 de setembro de 2015

 

Ao inaugurarmos o novo site do Colégio Marco Polo procuramos vivenciar e compartilhar este novo tempo de estabilidade e conquistas com nossa comunidade escolar.

O novo site preocupou-se sobretudo em enfatizar a integração, a interatividade e a conectividade com os alunos, professores, pais e amigos do Colégio, além de ser uma ferramenta cuja utilidade é fundamental para alicerçarmos nossos objetivos.

Objetivos que norteiam a motivação da nossa missão e que é a essência social desta instituição: Ensino de qualidade, educação com seriedade, relações sociais com a marca do respeito e da serenidade. Uma escola plural. É o que somos. Sem preconceitos. Sem distinção de qualquer natureza. Buscando constituir um legado em que no futuro nossos alunos passem pelos intramuros do Colégio e digam, orgulhosos: “Foi aqui que moldei meu caráter”.

Este site será mais uma contribuição, com certeza, para atingirmos esta aspiração.

 

José Luiz Martins Nunes

Presidente da Associação Educacional Marco Polo

Simulado e Testão ENEM

14 de setembro de 2015

Com a proximidade do final do ano e das principais provas e vestibulares, a primeira entrevista do site é sobre o Simulado e o Testão ENEM realizados no Colégio Marco Polo. Para tratar do assunto, falamos com a Professora Daniela Becker, Supervisora Pedagógica responsável pelo Ensino Médio do Colégio e pela organização das provas. Abaixo você confere as principais dúvidas que a Prof. Daniela respondeu.

  1. Quais as principais diferenças entre o Simulado e o Testão ENEM do Colégio Marco Polo?

O Simulado, composto por toda a estrutura do ENEM, é elaborado pelo Sistema Objetivo e oferecido para todo o Ensino Médio do Colégio. Já no Testão ENEM, as questões são elaboradas pelos próprios professores, e a prova é aplicada somente para o 3º ano do Ensino Médio do Colégio.

  1. Qual a importância dessa preparação diferenciada para os alunos que farão a prova do ENEM?

O Simulado tem como principal objetivo auxiliar os alunos no quesito tempo de prova. Devido ao número de questões, é importante testar além do conhecimento, o tempo que se leva para a resolução da prova.

  1. Quais são as normas do Simulado ENEM do Colégio Marco Polo? Qual aluno que pode fazer?

As normas são idênticas as do ENEM, a única diferença é que no Colégio a prova é aplicada durante a semana. Qualquer aluno do Ensino Médio pode realizar a prova.

  1. Quem faz a correção do Simulado e do Testão ENEM do Marco Polo?

Simulado: o gabarito é enviado pelo próprio sistema Objetivo, enquanto a redação é corrigida pela professora do Colégio, que ministra as aulas da disciplina no Ensino Médio.

Testão: o Testão ENEM é corrigido pela coordenação do Colégio Marco Polo.