Agência de Desenvolvimento de Santa Maria

16 de maio de 2016, categoria: Entrevista/

Confira uma breve entrevista realizada com o Superintendente Executivo da Agênca de Desenvolvimento de Santa Maria, Diogo De Gregori, sobre a atuação da ADESM na cidade e seus principais projetos  atividades.

A ADESM estará presente no próximo dia 19, quinta-feira, para uma palestra sobre o Plano Estratégico de Desenvolvimento de Santa Maria.

Qual o principal objetivo que moveu os participantes na criação na ADESM?
A Agência surgiu com o principal objetivo de aproximar as instituições que fomentam o desenvolvimento e o empreendedorismo em Santa Maria. As ações pelo desenvolvimento já aconteciam muito antes da ADESM ser fundada, em 2011: o Fórum das Entidades Empresariais (1989), A Incubadora Tecnológica de Santa Maria (UFSM – 1998), o Plano de Ações Estratégicas para o Desenvolvimento de Santa Maria “Coração Valente” (2003), Comitê de Empreendedorismo e Inovação e Escritório da Cidade (2005), formalização da Associação Parque Tecnológico de Santa Maria (2008), realização do Movimento A Santa Maria que Queremos, Pavilhão de Inovação da FEISMA, entre outras ações, que precederam a criação da Agência de Desenvolvimento de Santa Maria. A ADESM não surge para ocupar o lugar de nenhuma dessas ações, e sim para somar esforços e, por meio de articulações com o poder público, instituições de ensino, empresários e comunidade pensar e projetar a Santa Maria que Queremos.

Quais  as atividades desenvolvidas pela ADESM?

Atualmente, a ADESM atua com 3 objetivos principais como base de trabalho:

1.     Articular o desenvolvimento sustentável de Santa Maria e região, pela ação integrada entre o Poder Público, Instituições de Ensino, Setor Empresarial, Associações afins e Voluntários da Sociedade.

2.     Fomentar e divulgar oportunidades de investimento no Município de Santa Maria e auxiliar na identificação e atração de investimentos de acordo com suas potencialidades (vetores de competitividade).

3.     Realizar a coordenação do Movimento “A Santa Maria que Queremos”, viabilizando os Fóruns Temáticos, como encontros de pessoas interessadas em debater ideias, estudos e projetos, bem como viabilizar a implantação das Ações relacionadas ao desenvolvimento sustentável de Santa Maria e região, mantendo atualizado seu Plano Estratégico de Desenvolvimento.

Em cinco anos de atuação, podemos destacar algumas atividades desenvolvidas:

  • Articulação entre as lideranças e instituições de Santa Maria
  • Material bilíngue de divulgação de Santa Maria: português-inglês, português-espanhol, português-alemão e português-chinês
  • Santa Maria em Dados: www.santamariaemdados.com.br
  • Coordenação do Movimento “A Santa Maria Que Queremos” – Caderno de Propostas e Plano Estratégico de Desenvolvimento
  • Projeto de enquadramento dos APLs Metalmecânico; de Tecnologia da Informação e Comunicação; e Polo de Defesa
  • Projetos de captação de recursos para o Santa Maria Tecnoparque
  • Consolidação do Polo de Defesa de Santa Maria
  • Contato/apresentação de SM para mais de 100 empresas
  • Coordenação do Seminário Internacional de Defesa

 

Como se estabelece a relação da Agência com os projetos? Eles são selecionados dentro do que está em atuação na cidades, ou a Agência propõe novos?

Durante estes cinco anos de trabalho, especialmente na elaboração do Plano Estratégico de Desenvolvimento, a ADESM identificou Potenciais Polos para o desenvolvimento de Santa Maria, os vetores de competitividade municipal: Polo de Saúde, Polo de Turismo, Polo de Economia Criativa, Polo de Meio Ambiente, Polo de Produção primária, Polo de Conhecimento e Polo de Defesa. A partir desta constatação, a ADESM tem proposto ações (ex.: projeto dos APLs – metal mecânico; tecnologia de informação e comunicação; e polo de defesa) que estejam alinhadas a estes vetores para os quais a cidade tem vocação. Desta forma, também os nossos projetos são focados mais especificamente nestes setores.

Quais os planos da ADESM para o ano de 2016 ? Qual o principal setor em que pretende investir na articulação de projetos?

No final de 2015, trabalhamos na revisão de nosso Planejamento Estratégico, que nos trouxe missão e visão para direcionar nossos passos. São eles:

Missão: Fomentar o desenvolvimento sustentável de Santa Maria e região, por meio da articulação dos diversos agentes da sociedade, da divulgação de oportunidades e atração de investimentos com base nos potenciais Polos previstos no Plano Estratégico de Desenvolvimento, e coordenar o Movimento “A Santa Maria Que Queremos”.

Visão: Ser reconhecida pela comunidade como instituição fomentadora do desenvolvimento sustentável de Santa Maria e Região, e ser reconhecida nacionalmente como uma importante Agência de Desenvolvimento até 2020.

Também nesta revisão de Planejamento, identificamos 21 ações estratégicas, entre elas:

·  Disseminar a cultura de empreender e inovar, apoiar as ações empreendedoras e articular o aumento de aporte de tecnologia nas empresas de Santa Maria por meio da aproximação com as universidades;

·  Articular a implementação de ações de desburocratização na abertura e fechamento de empresas;

·  Acompanhamento da implementação de Planos Municipais, como de Saúde, Saneamento, Mobilidade Urbana, Educação, Cultura;

·  Fortalecer os APL’s e estimular novos setores produtivos;

·  Auxiliar na consolidação da atuação conjunta das forças de segurança, articular ações de modernização e utilização de tecnologia;
·  Articular a implementação das principais ações do Plano Estratégico de Desenvolvimento (PED) além da divulgação do mesmo, das suas ações e resultados efetivados, entre outros.

Trabalhamos com estratégias a longo prazo, então nosso Planejamento prevê ações a serem desenvolvidas até 2020, mas que demandam trabalho contínuo e dedicado de articulações junto aos diversos setores envolvidos.
Para 2016 também já está agendada a entrega do Plano Estratégico de Desenvolvimento aos candidatos à Prefeitura e à Câmara de Vereadores de Santa Maria. O objetivo é que todos conheçam o PED e desde já trabalhar na articulação das propostas junto a eles.

Como a população em geral pode colaborar para viabilizar os projetos de desenvolvimento de Santa Maria?

Primeiramente é muito importante que as pessoas conheçam o Plano Estratégico de Desenvolvimento e se apropriem deste documento que foi construído junto daqueles representantes de diversos setores da sociedade e da comunidade em geral. O Movimento A Santa Maria que Queremos proporciona momentos de integração, trocas de informações, contatos e articulações nas reuniões dos Fóruns Temáticos e Grupos de Trabalho (Agronegócio; Indústria; Turismo, Comércio e Serviços; Empreendedorismo, Inovação e Tecnologia; Economia Solidária; Mobilidade Urbana e Rodovias; Saneamento; Aeroporto Civil e Plataforma Logística; Educação; Saúde; Segurança; Cultura; Meio Ambiente; e Gestão Pública). Porém, esta é apenas uma das formas de participar da ADESM e da construção de um município melhor. A Agência de Desenvolvimento de Santa Maria está de portas abertas para quem desejar fazer parte deste projeto! O Plano Estratégico de Desenvolvimento deve ser atualizado permanentemente e a comunidade tem papel fundamental nesta missão de manter atual o documento que sintetiza os anseios da comunidade que deseja – e merece – uma Santa Maria melhor.

A construção de uma cidade melhor passa por todos nós, não é missão para este ou aquele, somos peças fundamentais e essenciais nesta tarefa. A Santa Maria que Queremos depende do nosso comprometimento, de nosso empenho e dedicação em utilizarmos as ferramentas existentes para identificarmos as necessidades e propor as mudanças adequadas.

Serro_Salao_Inovacao SM Agenda 2020 (3)